Menu

Educação em debate, edição 243

Pacto entre poderes é ditadura – Dalvit Greiner de Paula – EXCLUSIVO
Precisamos reavivar a memória de nossos governantes e congressistas sobre a função de cada poder.

Notas a partir dos escombros dos três poderes no Brasil atual -Matheus da Cruz e Zica – EXCLUSIVO
O conflito de interesses entre o povo e seus representantes é evidência clara de que essa representação é falaciosa.

Fenômeno Atual: jornalistas censurados criarão um novo conceito de jornalismo independente, contra a tirania – Tiago Tristão Artero – EXCLUSIVO
A ignorância valoriza a violência e o pensamento castrado.

A dura realidade do professor brasileiro – Blog do Prof. Christian
O docente brasileiro é, majoritariamente, do sexo feminino (70%), tem em média 42 anos de idade e 16 anos de experiência em sala de aula. Observa-se, também, que 94% dos professores têm uma relação positiva com os estudantes.

A política privatista de Zema – Denise Romano Na coluna desta semana, coordenadora-geral do Sind-UTE/MG critica a política privatista do governador Romeu Zema com as empresas públicas do Estado.

Estudos sobre Educação e democracia – Marcos Villela Pereira  Dentro das atividades abarcadas na Ação Educação Democrática, diversas instituições e professores escolheram discutir os mais diversos pontos que envolvem a educação e a democracia em sala de aula. É o caso da disciplina Educação e Democracia na PUC RS.

Cronin: o que é desempenho? – Dianeravich
A educadora Ann Cronin, de Connecticut, explica que desempenho não tem nada a ver com pontuação em testes.

Novo FUNDEB: em nome de um consenso que promova o direito à educação – Campanha Nacional pelo Direito à Educação
A Campanha Nacional pelo Direito à Educação distribui hoje uma nota técnica dedicada a colaborar com a tramitação do Fundeb.

Educação Ambiental: todo mundo simpatiza, mas não dá bola e o governo simplesmente ignora – Agência Envolverde
Por que um conteúdo, forma e função – aparentemente tão necessários conhecidos como educação ambiental – tiveram tanta dificuldade para se institucionalizar nestes anos todos e por que agora é simplesmente deletada pelo governo federal?

Professor, o senhor é marxista? – Gaúcha ZH
A pergunta, aparentemente simples, nos tempos atuais, só pode ganhar uma resposta complexa

Em busca da qualidade e da quantidade na educação – Claudio Ferraz (via Nexo)
Apesar da discussão sobre a necessidade de melhorarmos a qualidade do nosso ensino, não podemos esquecer que ainda precisamos fazer com que nossos jovens permaneçam na escola por mais tempo.

“O envolvimento do setor privado na educação deve ser estritamente controlado”, diz relatora da ONU – Campanha Nacional pelo Direito à Educação
Investimentos para desenvolvimento devem priorizar o fortalecimento dos sistemas de educação pública, afirmou Boly Barry em relatório.

As razões da desigualdade de renda do trabalho são políticas, e não educacionais. Entrevista especial com Rogério Barbosa – Instituto Humanitas Unisinos
A análise acerca do aumento da desigualdade de renda do trabalho entre anos 1960 e 1970 mostra que o aumento da desigualdade de renda do trabalho no período provavelmente esteve relacionado a razões políticas, como o ajuste fiscal feito à época

5 perguntas sobre o uso de vouchers na educação – Instituto Net Claro Imbratel
Especialistas analisam modelo no qual pais usam cheques escolares dados pelo Estado para pagar escolas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *