Ano 7 – Nº 254 / sexta-feira, 27 de setembro de 2019

EDITORIAL

Matar a Infância, Infantilizar os Adultos

O assassinato da menina Ágatha Félix pela polícia militar do Rio de Janeiro é uma demonstração cabal de que a demanda de vários setores da sociedade por mais e mais autoritarismo e violência tem resultado, sistematicamente, na morte de sujeitos negros e pobres. A negritude dos mortos não é coincidência, assim como não é coincidência que sejam de crianças, adolescentes e jovens os corpos abatidos pelas forças de (in)segurança pública.

Leia mais.

O PÃO NOSSO DE CADA DIA
Em questão: o dia a dia de professoras e professores
A Revista Brasileira de Educação Básica realiza exibição da série documental “O pão nosso de cada dia” e debate sobre as vivências de docentes da Educação Básica no dia 01 de outubro

MÍDIA E EDUCAÇÃO
Marta Avancini – o jornalismo de educação na era da desinformação
A editora-pública da JEDUCA estará na Fafich no próximo dia 02 de outubro para discutir o que é o jornalismo de educação e como cobrir as pautas da educação em meio a democracias fragilizadas, fake news e um fluxo informacional cada dia mais intenso.

XIII SEMINÁRIO ANUAL – EDUCAÇÃO NO BRASIL: TRADIÇÕES DEMOCRÁTICAS
Mobilização Sindical pela Democracia
Heleno Araújo, presidente da CNTE, fala dos processos de resistência e de luta pela democracia em conferência do Pensar a Educação, Pensar o Brasil

NAS ONDAS DA EDUCAÇÃO
O programa de rádio Pensar a Educação, Pensar o Brasil do dia 30 de setembro receberá a professora da UnB, Edileuza Penha de Souza, para falar sobre cinema e educação e formação de professores. Segunda feira também tem a coluna Pensando Bem, Reportagem Especial, a Agenda da Educação com os principais eventos da semana e a Sessão Especial Cinema Falado.

Todas as segundas-feiras, das 20h00 às 22h00, o programa Pensar a Educação, Pensar o Brasil vai ao ar pela Rádio UFMG Educativa 104,5 FM.

ENTREVISTA
Escola Pública e Democracia – Paolo Bianchini
O programa de rádio Pensar a Educação, Pensar o Brasil do dia 23 de setembro conversou com o professor da Universidade de Torino sobre o papel da Escola Pública na construção e manutenção da democracia.

EDUCAÇÃO EM DEBATE
O avanço das escolas cívico-militares – Antonio Carlos Will Ludwig – EXCLUSIVO
No âmbito desta polêmica não tem sido recorrente a indagação sobre os plausíveis motivos que tem levado os militares a se envolverem com o ensino público.

Excludente de ilicitude é sinal de incompetência – Dalvit Greiner de Paula – EXCLUSIVO
Devemos combater um combate diário contra todos aqueles que cultuam a morte do outro como fonte de prazer.

O problema não é a Greta, são suas pautas que afrontam o capital e é a violência aplicada aos que se manifestam – Tiago Tristão Artero – EXCLUSIVO
Já sei, Greta não é resiliente, questiona, não aceita. Isso é imperdoável nos ambientes religiosos, quando pouco, gera desagrado.

Quem tem medo de Paulo Freire? – Eugênio Magno – EXCLUSIVO
Ao contrário, gritam a seu favor, especialmente nesses tempos em que a educação é medida pela régua dos desescolarizados que vão dos influenciadores aos aboletados no poder em nosso país e os que gravitam em seu entorno.

Educação moral e cívica – triste memória – Alexandre Fernandez Vaz – EXCLUSIVO
Também hoje somos bombardeados, em um país formalmente laico e objetivamente multirreligioso, por discursos não seculares.

A percepção (imagem/paisagem) do lugar expressa em desenhos: relato do processo ativo e criativo – Vagner Luciano de Andrade e Fernanda Aparecida Peixoto – EXCLUSIVO
Na infância, as relações entre seres humanos e seus lugares/paisagens de referência tendem a ser mais latentes.

Pobreza, desigualdade social e democratização escolar: experiências na cidade de Vitória/ES – Renata Duarte Simões e Denise Pinheiro Quadros – EXCLUSIVO
O que representa acesso, permanência e sucesso escolar nos dias de hoje?

Orçamento proposto para 2020 representa ‘ofensiva ao ensino superior’, avaliam conselhos da UFMG – UFMG Notícias
Em moção, Cepe e Conselho Universitário afirmam que estrangulamento ‘parece integrar uma estratégia política que afronta as instituições e nega o valor da ciência’

Leia mais.

EDUCAÇÃO E DIREITOS HUMANOS
Igreja e Direitos Humanos no Espírito Santo: duas páginas da mesma História – Pe. Kelder José B. Figueira – EXCLUSIVO
Sete décadas depois, em um novo século, na Encíclica “Paz na Terra” (1963), o Papa João XXIII estabeleceu com clareza a relação da Igreja com os Direitos Humanos, afirmando que “Todo ser humano é pessoa, sujeito de direitos e deveres”.

ENTREMEMÓRIAS
Memórias 3 – Evelyn Mariana Alves da Silva – EXCLUSIVO
Até então, com um olhar infantil, acreditava que a educação era muito mais que um dever a se cumprir, era algo mágico e eu fazia parte daquele conto!

LIVRE EXPRESSÃO
A escola pública não é gratuita – Ivane Laurete Perotti – EXCLUSIVO
O entardecer, entristecido, fecha os olhos para as dores que jamais receberão uma nota de compadecimento.

PESQUISA EDUCACIONAL
A sociedade de risco e a noção de cidadania: desafios para a educação científica e tecnológica – Maurício Pietrocola e Carolina Rodrigues de Souza – Linhas Crítias (UnB)
Neste trabalho pretende-se abordar de que forma a avaliação da modernidade social impacta a noção de cidadania e coloca em suspensão as perspectivas contidas nas abordagens CTS e Alfabetização Científica e avança-se a discussão sobre os desafios da educação científica moderna reflexiva.

CIÊNCIA E TECNOLOGIA
Tempo de unir forças e de lutar com firmeza pela ciência brasileira – Ildeu Moreira (via Jornal da Ciência)
Se o governo e o Parlamento tomassem a decisão de investir fortemente na ciência e tecnologia, encontrariam amplo respaldo da sociedade.

Leia mais.

EDUCAÇÃO PELO BRASIL
ENEJA da Resistência! – Ana Clara Soares Ramos – EXCLUSIVO
O evento foi nomeado como o “ENEJA da Resistência” pelos delegados de todo país, que durante o encontro foram organizados em Grupos de Trabalho sobre vários temas.

Leia mais.

​AMÉRICA LATINA
Paralisações de professores no Chile questionam privatizações, bônus salarial e exclusão de disciplinas do currículo – Instituto Net Claro Embratel
Docentes enfrentam precariedade material e dificuldades para realizarem prática pedagógica, explica educador

Leia mais.

​PENSAR INDICA
Docentes e discentes dos Programas de Pós-Graduação em Educação de várias partes do país solicitam, através de Abaixo Assinado, que a Coordenação de Avaliação da Área de Educação da CAPES acolha as sugestões e solicitações das Coordenações dos Programas no sentido de não desvalorizar, na avaliação quadrienal que se aproxima, os livros autorais e capítulos de livros produzidos por eles e publicados pelas mais diversas editoras do Brasil e do exterior.

INDICAÇÃO DO LEITOR
Julio Diniz
– Já está disponível o e-book “Formação permanente de professores: experiências iberoamericanas”  organizado por  Francisco Imbernón, Alexandre Shigunov Neto e Ivan Fortunato. Os textos conservam entre si a pluralidade de olhares e reflexões sobre a formação de professores.

Luciano Mendes – O FA.VELA, primeira aceleradora de negócios de base favelada do Brasil está em busca de jovens periféricos que possuam projetos em execução ou ainda que seja uma ideia, na área da educação, para participarem do programa de aceleração CORRE CRIATIVO.  Serão 3 meses de formação empreendedora para desenvolver quem está transformando o corre da educação.

Débora Mariz – No dia 30 de setembro, às 19:30, a Kasa Invisível recebe o lançamento do livro “Paulo Freire – Mais do que nunca – Uma biografia filosófica”, na ocasião o autor, Walter Kohan participa de uma roda de conversa. A Kasa Invisível fica na Avenida Bias Fortes, nº 1034, no centro de Belo Horizonte.

Yolanda Assunção – O campo de educação pode se beneficiar das evidências produzidas por várias áreas da ciência. Debater esta interseção é o objetivo do II Encontro da Rede Nacional de Ciência para Educação, que ocorre entre os dias 16 e 18 de outubro no Rio de Janeiro.

Otavio Henrique – A Editora Escola Cidadã está com inscrições abertas até o dia 03 de novembro para a 1ª Edição do Prêmio Autor Paulo Freire. Os participantes devem ter idade acima de 12 anos, ser autodeclarado(a) pessoa preta, parda, indígena, ou, comprovar condição de pessoa com deficiência e estar estudando ou ter estudado em escolas públicas. O vencedor terá seu livro publicado e impresso gratuitamente.

Priscilla Bahiense – Vai até o dia 30 de setembro o prazo para submissão de trabalhos para o Congresso Nacional ‘Universidade, EAD e Software Livre’. O evento é uma atividade acadêmica semestral, online e gratuita, promovido pelo Texto Livre, um grupo de pesquisa, ensino e extensão vinculado à Faculdade de Letras da UFMG. A programação conta com o ‘Esquentando o FicLivre’ [Roda de Conversas entre Educadores], um espaço destinado a aproximar educadores do Brasil e do Exterior.

OPINIÃO DO LEITOR
Luiz Carlos Rena em 21/09/2019 em resposta a Dayse em 19/09/2019 (EDUCAÇÃO E DIREITOS HUMANOS – Edição 249 – 23/09/2019 – Direitos Humanos, Cultura e Educação: o reconhecimento dos saberes e fazeres das classes populares)
Tentando colaborar para o crescimento da Sra Dayse no que se refere a Paulo Freire:
Paulo Freire, o brasileiro de maior prestígio …

Marilia Lopes em 21/09/2019 (EDUCAÇÃO E DIREITOS HUMANOS – Ediçao 253 – 20/09/2019 – A pedagogia social voltada para a convivência como forma de educar socialmente para os direitos humanos)
Importante fundamentação para que cada vez mais a educação popular ,comunitária e social Onde são específicas em seus conteúdos e origens ao passar dos tempos vem se complementando em pilares ! …

Carlos Henrique Tretel em 21/09/2019 (EDUCAÇÃO E DIREITOS HUMANOS – Edição 252 – 13/09/2019 – Direito à educação: um direito garantido a todos/as? )
Por um FUNDEB PERMANENTE JÁ

assim diz, por sua vez, Beatriz Cerqueira:
“…Por que a vinculação é importante? 🤔 Educação é política geracional, não vai resolver em 4 anos, não vai resolver em 2 anos…

Luiz do Nascimento Carvalho em 20/09/2019 em resposta a Dayse em 19/09/2019 (EDUCAÇÃO E DIREITOS HUMANOS – Edição 249 – 23/09/2019 – Direitos Humanos, Cultura e Educação: o reconhecimento dos saberes e fazeres das classes populares)
Cara Dayse. Agradecemos pela sua disponibilidade em prestigiar a revista e tecer seus comentários. A forma como se refere ao tema abordado, no entanto …

Leia mais.

TIRINHA
Latuff

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *