Geraldo Márcio Alves Dos Santos

Professor Adjunto do Departamento de Administração Escolar/FaE/UFMG, Coordenador do NETE, Núcleo de Estudos sobre o Trabalho- Fae/UFMG, Torneiro Mecânico Senai-1986, Técnico Mecânico Cefet-MG- 1992, Licenciado em História Unibh-1998, Mestre em Educação FaE/UFMG-2004, Doutor em Educação UFF-2010.

2019, o ano em que o povo não coube no PIB!

É praticamente impossível fazer uma síntese das atrocidades cometidas no ano de 2019, o primeiro do des-governo Bolsonaro, contra a maior parte da população brasileira. As medidas que visaram destruir o Estado Nacional e as Políticas Públicas, bem como atacar…

Educação e Direitos Humanos: a urgência do debate e das ações dentro e fora da escola

Luiz Carlos Castello Branco Rena Chegamos ao final de 2019 e à última edição do “Pensar a Educação em Pauta”. Tempo propício à avaliação dos percursos que foram possíveis, das perdas e ganhos neste momento histórico tão complexo e desafiante…

Opinião do leitor, edição 265

Alexandre Fernandez Vaz em 06/12/2019, em resposta a Cesar em 04/12/2019 – (EDUCAÇÃO EM DEBATE – Edição 254 – 27/09/2019 – Educação moral e cívica – triste memória) Prezado Cesar, Agradeço sua leitura, mas gostaria que dedicasse mais atenção ao que está…

A Pedagogia do Oprimido de Paulo Freire e o contraste da militarização do governo Bolsonaro

Antônio Eustáquio de Oliveira Fam Vagner Francisco Martelo “Não há mudança, só alternância de poder; Discriminado hoje, discriminador amanhã; mudança aonde, aonde cidadão.” Inicia-se esse breve texto com uma parte da canção da Banda Dead Fish, “Anarquia Corporation”, que retrata…

Ciência e tecnologia, edição 265

Mudanças climáticas, aquecimento global e controvérsias. Para além de informar, educar! – Martha Marandino, Daniela Lopes Scarpa e Andre Kyoshi Fujii Ferrazo – EXCLUSIVO Na contramão desse alerta, encontram-se os posicionamentos de governos como o americano e o brasileiro, que…

O impresso como estratégia de formação: Revista do Ensino de Minas Gerais (1925-1940)

Lucas José Magalhães Alves Com tantas ameaças diárias ao debate crítico e ao pensamento livre, vindas de várias instituições e grupos, resgatar nossa memória é essencial para recordar nossos embates e valorizar todas as conquistas que obtivemos até aqui. Uma…

Inclusão escolar para crianças com microcefalia: Vamo Junto?

Berenice Freitas Danielle Costa Silveira Paloma Coelho Raul Lansky de Oliveira Zélia Profeta Da Equipe da FIOCRUZ – Minas No ano de 2015, o Brasil foi surpreendido por um grave problema de saúde pública em decorrência do aumento de crianças…

Caminhos por uma real utopia: por entre paisagens e sonhos na cidade educadora

Vagner Luciano de Andrade   Olhe a paisagem citadina se abrindo à sua volta. Ela expressa realidades e utopias. E certamente um emaranhado de riquezas. Assim, Belo Horizonte tem uma grande diversidade cultural. As pessoas se relacionam direta e indiretamente…

Educação pelo Brasil, edição 265

(Re)engenharia na educação – Gaucha ZH São inegáveis tanto a qualificação quanto a dedicação dos nossos educadores Na Câmara, Weintraub ouve da oposição que é ministro ‘da baboseira ideológica’ e que argumenta com fake news – GGN Em audiência na Comissão de…

Mudanças climáticas, aquecimento global e controvérsias. Para além de informar, educar!

Martha Marandino Daniela Lopes Scarpa Andre Kyoshi Fujii Ferrazo A periódica mudança climática na Terra pode ser explicada por fatores terrestres e astronômicos, como indicam pesquisas no campo da geologia1. É causada também pela ação dos seres humanos sobre ela.…

Professora, mas é que eu vi um Youtuber

Kelly Morato “Professora, mas é que eu vi um Youtuber…”. Mais vezes do que eu pude contar nos dedos das mãos, deparei-me com tal frase vinda de alunos e alunas. Não é possível medir a força com a qual as…

Resistência na música POP: reflexos da África

Ivangilda Bispo dos Santos* A resistência afro-descente é propositiva. Na história do Brasil este fato é inegavelmente explícito no campo cultural. Nos adereços, penteados, cores das vestimentas, danças e músicas nossa ancestralidade africana grita. Muitos enxergam como exótico. Estranham bases…

Mapas de uma avaliação

cadáveres de informação não escalam montanhas    Ivane Laurete Perotti   “Os estudantes são excluídos da busca […]. As respostas lhes são dadas para que as memorizem. O conhecimento lhes é dado como um cadáver de informação – um corpo…

Sobre Triunfo da Vontade, de Leni Riefenstahl (e algo do nosso tempo)

Alexandre Fernandez Vaz Sieg Heil! (Salve Vitória!) vocifera Rudolf Hess na tribuna, dando início, há oitenta e cinco anos, a uma das mais importantes reuniões políticas do século vinte. A assistência não hesita em responder, devolvendo-lhe a saudação. Em Nuremberg,…

DOCUMENTO DA SEMANA – A educação da mulher no Brasil

  Entre as Memórias do Cedoc apresenta o Documento da Semana e reforça o seu convite a que os leitores e leitoras escrevam inspirados nesses excertos de memórias aqui apresentados.   O documento da semana pertence ao fundo Departamento de…

Problematizações curriculares V – o regime de implementação da BNCC

Roberto Rafael Dias da Silva Ao longo deste semestre assumi como compromisso – para fins desta coluna mensal – construir um campo de reflexão crítica acerca dos conceitos estruturantes da Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Nesta edição concluirei este ciclo…

Reforma do Ensino Médio, Maconha e a Resistência da Educação Pública

Tiago Tristão Artero Algumas dúvidas pairam no ar. A catastrófica Reforma do Ensino Médio, editada via Medida Provisória (mecanismo, claramente, indevido quando trata-se de mudanças profundas na educação), ainda durante o governo Temer, será implantada? Ou é uma mudança financeiramente…

Quando o lugar de memória é também de história, letras e educação – 40 anos do ICHS-UFOP

Raphael Machado* Onde mora o coração? Frase batida, melosa, recorrente. Em alguns casos é usada como lugar comum para designar sentimentos de pertencimento, de identificação. O meu coração reside onde me sinto bem recebido. Onde me sinto em casa. Alguns…

A polifonia das fontes na construção da História Social dos negros no Brasil e o papel político do educador

Francis Albert Cotta* Em tempos recentes, a temática das relações étnico raciais tem sido incorporada no currículo das escolas com objetivo de levar conhecimentos sobre aspectos da ancestralidade que informam as práticas culturais da população negra brasileira. Embora a Lei…

América Latina, edição 265

Crean un legajo digital con datos de cada estudiante porteño – La Nacion – Argentina El legajo funcionará de manera conjunta al que ya existe en las escuelas de cada alumno y que consta de una carpeta que contiene distintas hojas…

Educação em Debate, edição 265

Reforma do Ensino Médio, Maconha e a Resistência da Educação Pública – Tiago Tristão Artero – EXCLUSIVO O ponto mais grave sobre a dúvida se a Reforma do Ensino Médio será implantada ou não, é: será substituída por um ensino…

Ano 7 – Nº 264 / sexta-feira, 06 de dezembro de 2019

EDITORIAL Paraisópolis e PISA: mais do mesmo, tudo junto e misturado Esta semana, duas tragédias chamaram a atenção da mídia e da sociedade brasileira: o massacre de jovens negros brasileiros e os resultados do PISA divulgados internacionalmente. São acontecimentos diferentes…

América Latina, edição 264

Pruebas PISA: todo sigue igual – Guillermo Jaim Etcheverry (via Clarin) – Argentina Confiemos en que estos datos resulten de utilidad para tratar de encaminar la maltrecha educación argentina. Marchas del 4D se mantienen pese a anuncio de diálogo con Duque –…

CEDOC – Pesquisa e memória

Matheus Phillip O Centro de Documentação e Memória (CEDOC) possui, sob sua guarda, fontes documentais que subsidiam os estudos e as pesquisas referentes à educação, à formação docente e à história e memória da Faculdade de Educação. Ele também realiza…

Paraisópolis e PISA: mais do mesmo, tudo junto e misturado

Esta semana, duas tragédias chamaram a atenção da mídia e da sociedade brasileira: o massacre de jovens negros brasileiros e os resultados do PISA divulgados internacionalmente. São acontecimentos diferentes em quase tudo, mas cujo entrelaçamento mostra muito profundamente o que…

A gente se escreve

talhos de uma escrita  Ivane Laurete Perott “A existência, porque humana, não pode ser muda, silenciosa, nem tampouco pode nutrir-se de falsas palavras, mas de palavras verdadeiras, com que os homens transformam o mundo.” Paulo Freire   No marco da…

Ciência e tecnologia, edição 264

Pesquisadores comentam as ameaças ao programa brasileiro de HIV/aids – Agência Fiocruz Segundo historiadores, para que os avanços das últimas décadas não sejam perdidos as políticas voltadas para o combate ao HIV/aids devem ser encaradas como de Estado e não…

Opinião do leitor, edição 264

Eudasio Cavalcante Melo em 05/12/2019, em resposta a João em 01/12/2019 – (EDUCAÇÃO EM DEBATE – Edição 261 – 14/11/2019 – O Brasil que nega seus intelectuais) Caro João, gostaria de sugerir que conhecesse melhor o pensamento de Paulo Freire, para que possas construir…

Educação pelo Brasil, edição 264

Já está disponível o resultado da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas – EBC Todos os alunos medalhistas serão convidados a participar do Programa de Iniciação Científica , do Instituto de Matemática Pura Aplicada , como incentivo e promoção do…

Pisa: culpa do Paulo Freire?

Tiago Tristão Artero Comentarista da Jovem Pan, diante dos resultados do Pisa, diz que somos um país de analfabetos funcionais. Elencou diversos pontos que se seguem neste artigo de opinião e não foi corrigido em nenhum aspecto, portanto, parece ter…