Educação pelo Brasil – edição 193

Professora desenvolve projeto que estuda cultura afro na matemática – Porvir
Em Joinville (SC), programa de Etnomatemática leva jogos, gráficos, capoeira e búzios para a sala de aula.

“Aprender a falar em público deve ter o mesmo peso do que aprender matemática nas escolas” – El País
Neil Mercer, diretor do centro de Oratória de Cambridge, defende que professores têm que atuar também no desenvolvimento das habilidades não só na transmissão de conhecimento.

Estudantes e servidores saem em defesa da UnB; MEC nega corte de verbas – EBC 
Cerca de 500 manifestantes pediam a correção no repasse de verbas da UnB. No meio da tarde, um confronto com a polícia militar encerrou a mobilização. 

Ideia Legislativa quer manter cursos de Humanas nas universidades públicas – Carta Educação
Proposta faz frente à iniciativa que quer retirar os cursos de Filosofia, História, Geografia, Sociologia, Artes e Artes Cênicas das instituições públicas.

Passeios fotográficos revelam o olhar das crianças sobre a cidade – Porvir
Oficina sensibiliza famílias e educadores para escutar crianças por meio de fotos e reflexões que trazem a perspectiva delas sobre o espaço público. 

Casos de bullying aumentam 8% em escolas estaduais de SP, diz secretaria – G1
Foram 564 casos registrados em 2017, 80 a mais do que no ano anterior. Número de ocorrências pode ser maior, já que muitos alunos não denunciam a prática. 

Dia de Aprender Brincando estimula aprendizagem ao ar livre – Carta Educação
No dia 17 de maio, escolas, familiares e parceiros são convidados a realizarem uma atividade fora da sala de aula. 

Cota leva 1.500 pessoas com deficiência às universidades federais – Folha de São Paulo
Levantamento mostra impacto de lei de 2016 que ampliou acesso a instituições.

Marcus du Sautoy: “Quem entende a matemática controla o mundo” – El País
Matemático e escritor fala sobre os limites do conhecimento científico na apresentação do seu novo livro. 

Plataforma reúne conteúdos e ferramentas para professores da educação infantil – Porvir
Ambiente virtual do programa Paralapracá traz banco de práticas e apresenta referências para inspirar a produção de registros pedagógicos. 

Por que é preciso falar sobre pornografia? – Revista Educação
O termo “pornô” era a quarta palavra mais pesquisada por crianças de até 7 anos. Vale repetir: 7 anos. 

Novo currículo do ensino médio exigirá mudança na formação do professor – Hoje em Dia
“Não é que não vai mais ter professor de química, física e biologia, mas vai ter que haver um esforço para integrar esses conhecimentos.” 

Crítica às universidades de Lula rende ‘histórias reais’ a Cristovam Buarque – Rede Brasil Atual
Pelo Twitter, senador definiu como “demagogia” ampliação do acesso ao diploma universitário pelos governos petistas. “Te garanto que a vida que tenho hoje não é demagógica”, diz bolsista do Pro Uni. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *