Educação em debate, edição 220

Brasilidade, festas populares e saberes escolares: uma interseção necessária a partir da Lenda Urbana da Maria Papuda – Vagner Luciano de Andrade e Lídia Costa – EXCLUSIVO
É preciso cada vez mais evidenciar a cultura brasileira e a riqueza de nosso povo. Brancos, negros e indígenas compuseram durante mais de cinco séculos, um legado ímpar de reafirmação em termos de brasilidade e culturalidade.

Fazer educação, fazer o Brasil – Wojciech Andrzej Kulesza – EXCLUSIVO
Sua aprovação inicial não foi devido à má educação do povo brasileiro, mas sim à deseducação, a falta de educação pública, gratuita e de qualidade para todos no Brasil.

Perspectivas para a educação – Educação em Pauta – Marcus Taborda
Na coluna desta semana, o jornalista da Rádio UFMG Educativa Vinicius Luiz conversou com o professor Marcus Taborda sobre os resultados das eleições de 2018 e os impactos disso na educação.

Pela democratização da mídia – Pensando Bem – Paulo Henrique Fonseca
Na coluna desta semana a secretaria-geral do Fórum Mineiro pela Democratização da Comunicação – FNDC, Florence Poznanski fala do quão importante é acabar com o monopólio da mídia.

Com educação, quem mais precisa pode ir mais longe – Todos pela Educação
Relatório da OCDE indica que é preciso elaborar políticas públicas e investir mais nos estudantes mais vulneráveis

Aos 20 anos, Enem se consolida como a maior prova do País, mas deve mudar – Estadão
Após diversas alterações e a participação de 100 milhões de alunos, o exame está em fase de amadurecimento, com uma nova matriz curricular e mudanças na aplicação.

Compromisso com a Educação e participação democrática – Anped
A entidade reafirma seu compromisso com “o desenvolvimento da ciência, da educação e da cultura, dentro dos princípios da participação democrática, da liberdade e da justiça social”.

Professores temem Big Brother ideológico nas salas de aula – Ponte
Analistas avaliam iniciativas que buscam interferir na liberdade do professor dentro de sala de aula.

Brasil não precisa do Escola Sem Partido, diz Ministro da Educação – Brasil 247
Em entrevista à Agência Brasil, Rossieli Soares defendeu que estudantes e famílias procurem primeiro a escola e, se necessário, as secretarias de Educação, caso haja problemas na sala de aula.

Pedagogia do oprimido ou pedagogia do WhatsApp? – Folha Opinião
Fixação de Bolsonaro no ‘expurgo’ de Paulo Freire desvia foco

O comando que está caçando ‘esquerdistas’ nas universidades já perseguiu 181 professores – The Intercept
Foram 12 ocorrências em instituições particulares, 54 em estaduais e 115 em federais envolvendo 101 homens e 80 mulheres.

E se um fascista invadir a minha sala de aula? – Pressenza
Manual de defesa para docentes

Moção de repúdio à perseguição de professores/as nas escolas – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação
A CNTE, entidade representativa de mais de 4 milhões de trabalhadores/as das escolas públicas brasileiras, vem a público REPUDIAR, de forma veemente, a declaração da deputada estadual recém eleita por Santa Catarina, Ana Caroline Campagnolo, do PSL.

Especialistas questionam eficiência da educação na gestão Bolsonaro – Folha
Integrantes da campanha do presidente eleito são ligados à empresas de ensino a distância.

Pressupostos da política educacional bolsonariana – I – Avaliação Educacional
A bolsonarização da política educacional é herdeira das teses neoliberais, entendida como liberalismo econômico. Sua consequência será o estabelecimento da era da reforma empresarial da educação, em sua versão mais desenvolvida – se vencidas as resistências.

Pressupostos da política educacional bolsonariana – II – Avaliação Educacional
A política educacional de Bolsonaro será uma extensão da sua política econômica. Visará transformar a educação em um setor empreendedor da economia de livre mercado.

Três cenários para Bolsonaro – Jota
Bolsonaro pode aderir ao presidencialismo de coalizão, adotar um autoritarismo legal ou fazer um governo errante

Não ignore as mudanças do Brasil de Bolsonaro – The Intercept
A corrupção que nos acompanha desde sempre é o maior cabo eleitoral de candidatos que se apresentam como antissistema e antipolítica, mesmo que sejam, eles mesmos, parte da mesma geleia moral que dizem combater

“É um retrocesso”, diz Boris Fausto sobre momento histórico brasileiro… – Uol
Em entrevista ao UOL, Fausto defende um ensino livre, diz temer um governo autoritário e atribui ao ego petista o resultado das urnas deste domingo (28)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *