Logo Original Fundo Claro

Avaliação Quadrienal CAPES

Luciano Mendes de Faria Filho

Saiu o resultado da avaliação quadrienal da CAPES referente ao período 2013-2016. Houve muita “movimentação” de Programas em relação à avaliação anterior. Infelizmente nosso Programa (Educação UFMG) caiu da nota 07 para a nota 06. Certamente vamos fazer recurso contra a decisão do CTC. O Programa continua, tal como era, um dos melhores do país. E isso, independentemente da nota CAPES, o que é uma coisa muito boa!

Como eu já disse em várias ocasiões, a avaliação conduzida pela CAPES nem sempre é justa, nem sempre avalia o Programa (recai, muitas vezes, na avaliação de cada pesquisador individualmente) e quase sempre não reconhece as qualidades outras dos Programas que não a “produção intelectual” (publicações) de seus membros. Mas serve bem para justificar grandes desigualdades no financiamento entre os Programas e incentivar a competição entre eles. Felizmente, aqui na UFMG e em muitos outros lugares, sobretudo no que concerne a este último aspecto, temos conseguido fazer diferente. Que continuemos assim!

Parabéns à UERJ e à UNISINOS que conseguiram manter a nota máxima (7) e a vários outros Programas (UFRJ, UFRGS, UNESP, UFPR…) que mantiveram ou subiram a nota! E, no conjunto, parabéns à Área pela imensa contribuição à produção do conhecimento em educação e à melhoria da qualidade da educação básica! Infelizmente esse último quesito não conta muito na avaliação, mas é fundamental se queremos fazer deste um país mais justo e democrático.

Veja aqui a  AvaliaçãoCAPES dos  Programas de Todas das Áreas. Aqui Planilha só da Área de Educação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *