IMG 3097 Compressed

Denúncia do MPF contra o reitor da UFSC

O Ministério Público Federal de Santa Catarina denunciou o reitor da Universidade Federal de Santa Catarina, Ubaldo Cesar Balthazar e o chefe de gabinete da instituição, Áureo Mafra de Moraes, por injúria contra a delegada da Polícia Federal Érika Marena. O motivo foi uma manifestação que pedia investigação sobre a condução da operação Ouvidos Moucos, que estava sob a direção da delegada Érika Marena, que levou ao afastamento e prisão do reitor Luiz Carlos Cancellier, que cometeu suicídio durante as investigações. Na coluna Educação em Pauta de hoje, o jornalista Vinícius Luiz conversou com o professor Marcus Taborda que critica a decisão do MPF.